20 de fevereiro de 2014

Dicas: Nosso Papo: Beleza x Mídias

Oi, beleza pessoal?!

Vamos iniciar algo diferente nesse espaço. Sinto a necessidade de passar algo diferente para vocês. Então nasce aqui o Nosso Papo. Onde pelo menos um dia no mês estarei passando assuntos diversos para termos algo a mais para passarmos o nosso dia mais descontraído ou sério dependo do assunto que vem aqui.

Nesse pate pato quero tenhamos uma troca de ideias e vocês podem comentar a vontade ou não deixar esse papo apenas exposto aqui. Não vou interferir na opinião de vocês porque isso não deve ser rebatido. Beleza?!
É incrível como não percebemos como as mídias de comunicação, seja ela qual for, influenciam na nossa vida. Nos submetemos a tantas atitudes que pensamos que são pensadas, mas na realidade são colocadas na nossa mente de tanto escutar ou vê essas informações.

Nos alimentamos de padrões ou atitudes radicais para chegarmos a uma forma perfeita que não existe. Deixamos de viver bem de termos uma vida saudável para nos padronizar a um conceito de quem é lindo ou belo deve ser magra e nos homens devem ser malhados.

Enxergamos apenas uma embalagem muitas vezes plastificada e sem nenhum conteúdo. Não estou criticando quem é assim!!! Me entendam. Comunico a falta de informações sobre os exageros que as pessoas realizam para chegar a tal ponto de parar num hospital pela imagem definida de beleza e pelo curto caminho que essa pessoa realiza para chegar lá.

A vida é de cada um e cada um faz o que quer. Concordo com vocês que devem ter pensado nisso agora. O que me faz tremer são os apelos que alguns trabalhos realizam para escravizar as pessoas por padrões de beleza.

Se você vê uma pessoa fora de forma numa mídia ele é sempre sendo engraçado, mas nunca sexy ou romântico. Devo está equivocada? Então me mostrem ao contrário!

Devemos nos alimentar direito, apesar do dia corrido pra nossa saúde. Devemos fazer exercícios físico para nossa saúde. Pode ser para a estética pode sim, mas que não venha em primeiro lugar. Você pode procurar um caminho mais curto sem retorno.

Podem comentar e me crucificar a vontade. O assunto foi exposto e qual a sua opinião?
Image and video hosting by TinyPic